Linhas de Pesquisa

Crítica e Processos de Criação em Diversas Linguagens

Duas vertentes de estudos são contempladas: a Crítica Textual Moderna e a Crítica Genética. A Crítica Textual Moderna se ocupa do estabelecimento do texto de autor moderno ou contemporâneo (textos éditos ou inéditos), buscando o que teria sido a última vontade do autor. A Crítica Genética, por sua vez, se debruça sobre o processo de criação do texto de autor (moderno ou contemporâneo), buscando demonstrar qual teria sido o caminho percorrido na construção de sua obra.

Documentos da Memória Cultural

Integra pesquisas que exploram interseções entre literatura, cultura história e política, englobando vertentes diferenciadas de estudos de expressões identitárias, em perspectiva nacional, transnacional ou dos segmentos minoritários, bem como da organização e leitura crítica de acervos documentais e literários.

Estudos de Tradução Cultural e Intersemiótica

Depois que Roman Jakobson discriminou e definiu três tipos possíveis de tradução – a intralingual, a interlingual e a intersemiótica – os estudos dessa área passaram a expandir suas fronteiras para além da conhecida prática escrita de conversão de uma língua para outra. A partir da década de 60, do século XX, os diálogos entre artes passaram a ser incluídos no âmbito da tradução entre diferentes sistemas de signos – a tradução intersemiótica – contemplando, por exemplo, traduções do texto literário para o cinematográfico, do teatro para os quadrinhos, dentre outras possibilidades.
 
A consciência de que o processo de tradução ocorre a partir de um outro lugar de fala, resulta de jogos de interpretação, apropriação, deslocamento de uma idéia de origem, derivando na reescrita de um texto, que não será idêntico àquele que o originou, já que conterá as marcas do tradutor, gerou o reconhecimento de que o tradutor não é uma tabula rasa e que, portanto, deixará, de alguma forma, suas marcas no texto que traduz e ressignifica. Assim, as pesquisas conduzidas nesta linha contemplam as análises de traduções intersemióticas e/ou interlinguais de textos literários, tomando como ponto central de observação questões relativas à cultura.

Estudos de Teorias e Representações Literárias e Culturais

Estudos que empreendem uma reflexão sobre pressupostos teóricos efetivados no século XX e XXI e analisam representações poéticas e ficcionais do referido século,      considerando-se os contextos em que se inserem, atentando-se para diversidade de entrecruzamentos de ícones artísticos e culturais e para o jogo de imagens que movimentam as representações diversas de uma cultura, dentre elas as operacionalizadas pela literatura.